17/01/2013

[Resenha] Chama Negra - Os Imortais


Enquanto tenta ajudar Haven na transição para a vida imortal e libertar Damen do feitiço que não permite que ela toque nele, Ever se aprofunda mais e mais nos mistérios da magia negra. O feitiço, porém, vira contra a feiticeira, e ela se vê presa a seu maior inimigo: Roman. A força estranha e poderosa que toma conta de seu corpo impede que Ever pare de pensar nele, de desejá-lo.
Ela quer resistir à atração incontrolável que a está consumindo. Ele quer se aproveitar desse momento de fraqueza. A ponto de se render, Ever procura a ajuda de Jude, arriscando tudo e todos para salvar a própria vida e seu futuro com Damen...


CONTÊM SPOILER. LEIA PARA SEMPRE, LUA AZUL E TERRA DE SOMBRAS ANTES DE PROSSEGUIR.



Introdução
Depois de tomar a difícil decisão entre tornar sua melhor amiga imortal ou deixá-la morrer, Ever se vê na obrigação de ajudá-la em sua nova vida além de buscar uma cura para o feitiço que impede que ela e Damen se toquem.
Ela se aprofunda na magia com a ajuda de Jude, mas seu tiro acaba saindo pela culatra. Ao invés de fazer com que Roman entregasse o antídoto, ela começa a sentir uma atração incontrolável por ele. A ponto de ceder, ela novamente recorre a Jude, que fará de tudo para salvá-la.

Espaço
Todos os ambientes são muito bem descritos, como já é característico de Alyson Noel.

Tempo
A estória se passa em um pouco mais de um mês. Como já dito na resenha anterior, a autora passou a fazer mais referências quanto à passagem do tempo.

Personagens
Ever cresce neste volume, aprende mais sobre o mundo e sobre si mesma, porém se mostra um tanto quanto volúvel, o que é retratado por sua indecisão entre Damen, sua suposta alma gêmea há quatrocentos anos, Jude, o cara que a amou em todas as suas vidas, e, por mais improvável que pareça, Roman, o amigo de sua amiga agora imortal, Haven.

Enredo
Além de ma trama mais intensa e cheia de magia, Chama Negra (Editora intrínseca, 239 páginas) nos presenteia com visões detalhadas das vidas passadas de Ever e Damen, o que dá um encanto maior à narrativa.
A atração que Ever passa asentir por Romanc também é um ponto interessante, que foi bem explorado pela autora.

"Estou presa. Incapaz de fugir. Tomada pela terrível necessidade de encontrar-lo. De vê-lo. De estar com ele." pág 15


Estrutura Artística

  • Capa: O bom-gosto para capas continua. Cada capa é uma obra de arte, realmente.
  • Título da Obra: Uma ideia que foi bem-explorada durante a trama, me agradou.
  • Sinopse: Um excelente resumo da estória que, sem entregar o ouro, deixa o leitor na curiosidade
  • Diagramação: São trinta e cinco capítulos e encontrei apenas um erro.


Estrutura Física

  • Capa: Material comum, resistência média, com filipetas contendo informações do autor e trecho do livro.
  • Páginas: Amareladas, ou seja, refletem menos a luz.


Análise

Espaço: 5
Habilidade do autor: 5
Diversidade de ambientes: 5
Tempo: 5
Concordância com a época: 5
Passagem do tempo: 5
Personagens: 5
Interação: 5
Personalidades: 5
Aparência e carisma: 5
Enredo: 5
Originalidade: 5
Narrativa: 5
Intensidade da trama: 5
Estrutura Artística: 5
Capa: 5
Título da Obra: 5
Sinopse:5
Diagramação: 5
- Erros: 5
- Fontes/Ilustrações: 5
Estrutura Física: 4,5
Capa: 4
Páginas: 5
Minha Opinião: 4
Nota Final: 4,8