09/09/2013

[Resenha] Luminoso - Série Riley Bloom



Após ter completado sua tarefa com o Garoto Radiante, Riley desfruta férias ao lado de Buttercup e Bodhi. Quando um cão infernal atravessa seu caminho, a menina decide ir atrás dele – apesar da relutância de seu professor. Durante a busca, ela encontra uma jovem fantasma chamada Rebecca. Apesar do jeito doce de Rebecca, Riley logo descobre que nem tudo é o que parece. Filha de um fazendeiro, e furiosa por ter sido assassinada durante uma revolta de escravos em 1773, ela mantém a alma dos que morreram presa em suas piores memórias. Será que Riley conseguirá ajudá-la sem se perder nas próprias lembranças dolorosas?

Esta resenha pode conter spoilers. Antes de prosseguir, leia Radiante.

Enredo
Depois de convencer o Garoto Radiante  atravessar a ponte e conquistar o seu brilho, Riley aproveita as férias, junto de seu guia Bodhi e seu cachorro Buttercup, em um lugar inusitado: uma praia enevoada e meio cinzenta, completamente insípida. E é no meio desse cenário sem graça que, vindo do nada, um cão infernal aparece assustando-a até a morte - quer dizer... Assustando-a muito. Ao saber que esses cães geralmente protegem uma alma que está presa ao plano terreno, Riley segue o instinto de seu coração e decide ajudar quem quer que seja, embora não tenha sido um tarefa imposta pelo Conselho e contra todas as ordens de Bodhi.
Em sua escolha impulsiva, ela acaba por se meter, junto com seus amigos, em uma grande enrascada quando conhece Rebecca, uma fantasma do ano de 1773, cujo único prazer é fazer outros fantasmas reviverem eternamente os momentos mais dolorosos de sua vida, sendo alimentada pela raiva que emana deles.

"Não existiam acidentes, coincidências ou acontecimentos aleatórios. O universo simplesmente não funcionava assim. Eu tinha visto aquele cão por algum motivo. E estava determinada a descobrir qual era." pág 27
Neste livro, ao entrarmos no mundo espiritual com a protagonista, temos muitas lições importantes sobre livre-arbítrio, destino, raiva e, principalmente, o perdão. Além de passar essas mensagens ao leitor, é uma obra instigante e que, por ser tão pequena, não sacia a vontade por mais.

Espaço
Diferentemente do volume anterior, neste houveram bastantes descrições de ambiente que foram, por sinal, muito bem detalhadas e conduzidas por Alyson.

Tempo
Continua impossível de se determinar.

Personagens
Em Luminoso (Ediora Intrinseca, 178 páginas) vemos mais daquela garota teimosa e irritante, contudo bondosa, da série Os Imortais. Gostei muito de acompanha-la em mais uma curta aventura.
Conseguimos conhecer um pouco mais de Bodhi também, porém ele continua sendo o cara certinho que morre de medo de um puxão de orelhado Conselho.
Os personagens mais interessantes neste volume são, inegavelmente, Rebecca e o príncipe Kanta. Ela com seus atos desalmados e raiva assassina que não cede, e ele, por outro lado, com toda sua calma advinda do perdão que já havia concedido.

Estrutura Artística

Capa: lindíssima, me apaixonei por ela.
Título da Obra: uma boa escolha, é um título atraente.
Sinopse: a sinopse disponibilizada no post foi encontrada na "orelha" do livro. Nas costas havia apenas um trecho do livro.
Diagramação: não foi encontrado nenhum erro.

Estrutura Física

Capa: material comum, resistência média
Páginas: amareladas, ou seja, refletem menos a luz.

Recomendações

É uma obra que flui rapidamente, e mal se nota quando chega no fim. Entretanto, mesmo que não dure muito é uma trama que fica na cabeça e estou ansiosa pelo próximo livro.

Análise

Enredo: 5
Originalidade: 5
Narrativa: 5
Intensidade da trama: 5
Espaço: 5
Habilidade do autor: 5
Diversidade de ambientes: 5
Tempo: -
Concordância com a época
Passagem do tempo
Personagens: 5
Interação: 5
Personalidades: 5
Aparência e carisma: 5
Estrutura Artística: 4,5
Capa: 5
Título da Obra: 5
Sinopse: 3
Diagramação: 5
- Erros:5
- Fontes/Ilustrações: 5
Estrutura Física: 4,5
Capa: 4
Páginas: 5
Minha Opinião: 5
Nota Final: 4,8