Destaques

Newsletter

21/05/2018

Anatomia de um livro

Você sabe o que é um colofão? É, eu também não sabia até pesquisar um pouco mais sobre as partes de um livro: há muitos termos que são pouco conhecidos ou que são usados de forma errada e, como boa bookaholic que sou, decidi me informar melhor ⎼ e contar tudo o que eu descobri para vocês, É CLARO! Pegue o livro mais próximo (que, por sinal, é uma publicação não periódica com mais de 49 páginas) e vem comigo!

Um livro, para ser chamado como tal com todas as letras, também deve possui ISBN ⎼ sabe, aquele número grande que você e eu nunca soubemos para que diabos servia? Pois é, o International Standard Book Number (Número Internacional Normalizado para Livro, numa tradução bem livre) é um sistema internacional padronizado que identifica numericamente os livros segundo o título, o autor, a editora, o país e até mesmo a edição¹. Quando você escreve um livro é preciso fazer duas coisas: solicitar o ISBN e os direitos autorais, ambos na Biblioteca Nacional junto com o depósito legal.
Nós leitores, porém, teremos um contato maior com aspectos mais práticos da obra, como sua condição física (partes externas) e o conteúdo (partes internas)² ⎼ e vamos conhecer mais sobre eles agora! 

Partes externas

  • Sobrecapa: é uma proteção solta para a capa presente nas edições especiais, pois é um acessório que encarece o produto.
  • Capa (ou primeira capa): é o cartão de visitas do livro, embora não se deva julgar pela capa (hihi). Pode ser de diversos materiais, sua elaboração fica a critério do editor.
  • Contracapa (ou quarta capa): são as "costas do livro, onde costumeiramente encontramos a sinopse.
  • Orelhas: são extensões da capa e dobram-se sobre si mesmas. Geralmente apresentam um resumo mais detalhado do enredo e uma minibiografia do autor. E, só para lembrar: orelhas não são marcadores página! Sei que parece tentador, mas utilizá-la dessa forma acaba por deformar o exemplar com o tempo ⎼ e nós não queremos isso, certo?
  • Lombada (ou dorso): é a parte que liga as folhas do livro, onde se encontra a costura.
  • Corte: são as laterais do corpo do livro, podem ser coloridas em algumas edições.

TIPOS DE CAPA

  • Capa dura: existem as edições que contam com uma cor uma cor única na capa, sem muitos detalhes, e que acompanham as sobrecapas (hardcovers) e as edições cuja arte da capa já são impressas na própria (hardback).
  • Edição de bolso (ou pocket): são de tamanho menor e preço mais acessível, principalmente devido à qualidade inferior do papel. Não possuem orelhas.
  • Brochura (ou paperback): são aquelas edições comuns, com a capa em um papel de gramatura maior porém ainda flexível, que podem conter ou não orelhas.

Partes internas

  • Página: uma das faces da folha.
  • Folhas de guarda (ou segunda e terceira capas): páginas em branco, no início e no final da obra, podem ser mais elaboradas em algumas edições.
  • Falsa folha de rosto (ou olho): é opcional, vem antes da folha de rosto em si e possui apenas o título (e subtítulo, se houver) da obra.
  • Folha de rosto: é como uma capa de dentro do livro, contém suas informações principais de identificação (como título, autor, número da edição, etc.)
  • Dados internacionais de catalogação-na-fonte: costumam vir no verso da folha de rosto, possui ps dados complementares da obra, tais como: títulos da série e número do volume; título original da obra; copyright; relação de colaboradores; relação de colaboradores, de edições e reimpressões anteriores, com os respectivos editores e datas; nome e endereço da editora. Vale lembrar que nem todas as publicações vão possuir/requisitar todas essas informações!
  • Dedicatória: folha opcional em que o autor presta homenagem ou dedica o livro a alguém.
  • Agradecimentos: folha opcional em que o autor indica o eventual apoio recebido na elaboração do livro ⎼ família, amigos, profissionais que auxiliaram na publicação, etc. Também pode vir ao final da obra.
  • Epígrafe: folha opcional em que o autor apresenta alguma citação, seja por relacionar com o conteúdo do livro ou por tocá-lo de alguma forma.
  • Miolo: é o corpo do livro, constituído por folhas reunidas em cadernos que serão costurados na lombada. 
  • Colofão: não é nada mais nada menos do que as informações impressas na última página do miolo a respeito do impressor, endereço, local e data da impressão, além de alguns detalhes técnicos sobre os materiais utilizados.

OUTROS ELEMENTOS
(mais comuns em livros didáticos/acadêmicos)
  • Sumário: lista das principais divisões, seções e outras partes do livro, na ordem em que aparecem, com indicação da página na qual se encontram.
  • Lista de abreviaturas: relação em ordem alfabética das abreviaturas, siglas e símbolos que apareceram no texto, escritas por extenso.
  • Prefácio: um texto, escrito pelo próprio autor ou por outra pessoa, que precede a obra em si e pode ter como objetivo esclarecimentos, justificações, comentário ou apresentações sobre o conteúdo que sucede.
  • Copyright: registro dos direitos autorais ou editoriais.
  • Posfácio: um texto que sucede a elaboração da obra, pode ter um caráter  informativo ou explicativo sobre a mesma ⎼ por exemplo, as "notas do autor" referente a alguma liberdade poética que tomou em relação a acontecimentos históricos da época retratada.
  • Apêndice: são conteúdos "extras" que enriquecem e complementam a obra como um todo. 
  • Anexo: nem sempre são do próprio autor, mas objetiva fundamentar, comprovar ou ilustrar algo ⎼ um exemplo em obras literárias são os mapas que podem ser inclusos para localizar o leitor no mundo e nos acontecimentos que se sucedem. 
  • Glossário: lista em ordem alfabética das definições de palavras ou expressões cujo significado pode ser nebuloso ⎼ literariamente, também pode ser utilizado para as palavras inventadas pelo autor para um novo idioma, por exemplo.

TIPOS DE PAPEL
  • Offset: é o papel branco, simples, o que vai mudar é a gramatura dependendo da edição.
  • Pólen: o queridinho amarelado que não reflete tanto a luz ⎼ logo, fica mais confortável e para o leitor. Também pode ter diferenças na gramatura utilizada, que vai definir se as folhas serão mais finas ou mais grossas.
Ufa! Ainda estão aí? Essa postagem teve a intenção de ser mais informativa do que divertida em si, mas espero que gostem mesmo assim. Vocês já conheciam esses termos? Deixei passar alguma parte da anatomia dos livros? Me contem nos comentário!


Comentários via Facebook

@literalize.se

© Literalize-se – Tema desenvolvido com por Iunique - Temas.in